Linha 4

Publicidade

Wrestling: Brasil fecha Pan-Americano com 16 medalhas

Redação Tarobá News

Foto: divulgação Twitter - CBW

Neste domingo (30), ocorreram os últimos duelos do Campeonato Pan-Americano de Wrestling. O torneio começou na quinta-feira (27), na Cidade da Guatemala, capital do país da América Central. E o Brasil fechou a competição com a conquista de mais duas medalhas no estilo livre masculino. Na categoria até 65kg, o cearense Marcos Siqueira passou bem pelas duas primeiras lutas até chegar à decisão do ouro. Enfrentando o americano Joseph Mckeena, acabou batido por 10 a 0 e ficou com a medalha de prata, primeira medalha dele em Pan-Americanos. Na sequência, Thales Reis, da categoria até 86kg, venceu o argentino Emanuel Chamorro e faturou o bronze.

No sábado (29), o destaque ficou com Giullia Penalber. Lutando na categoria até 57kg, no estilo livre, a brasileira se sagrou bicampeã pan-americana. Além da conquista da Giullia, o Brasil teve a prata da Laís Nunes, na divisão 62kg; e os bronzes de Kamila Barbosa (até 50kg), Sabrina Gama (até 53kg), Grabriela Pedro (até 68kg), Aline Silva (até 76kg), Karoline Santana (até 59kg) e Brenda Aguiar (até 72kg).

As demais medalhas vieram na sexta-feira (28), com a prata de Joilson Júnior (na categoria 77kg) e o bronze de Ronisson Brandão (na categoria 87kg) do estilo greco-romano, e na quinta-feira (27), com os bronzes de Marat Garipov (até 60kg), Calebe Corrêa (até 67kg), Igor Queiroz (até 97kg) e Isaque Conserva (até 130 kg) no estilo Greco-Romano.

Dessa forma, o Brasil fechou em segundo lugar no estilo Greco-Romano, atrás dos Estados Unidos. No estilo livre feminino, o Brasil fechou com vice-campeão atrás dos Estados Unidos. No estilo livre masculino, a seleção brasileira finalizou em sexto lugar.


COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade